quarta-feira, 28 de julho de 2010

O que leva um autarca a recusar a proposta de um vereador da oposição que pretendia homenagear um dos maiores nomes da história da nossa literatura?

Eu admito que o Sr. Rui Rio, os vereadores sociais democratas e democratas cristãos não simpatizassem com a pessoa que José Saramago era, até porque ele teimava em afrontar os valores sagrados da igreja e a moral de merda que de lá apregoam...

Agora que,para além da tal persona non grata em termos ideológicos, não vislumbrarem o escritor mundialmente reconhecido que é, é de uma baixeza atroz!

Andamos a ser governados por gajos tão mesquinhos...

(a mim só me falta ser intelectual, caso contrário seria um dos signatários disto)


Beijos e abraços a todos

38 comentários:

  1. não é um gajo do norte, carago! :)

    ResponderEliminar
  2. e daí?

    Antero de Quental era Açoriano, José Falcão de Coimbra,...

    ResponderEliminar
  3. O Rui Rio é "casmurro" e gosta de se impor... penso que será só por isso, para ser do contra e "mostrar que quem manda é ele..."
    Nem me parece que seja por questões políticas ou de opinião!
    Infelizmente o que não falta na política(e não só) são pessoas como ele, que querem impor vontades mesmo não tendo argumentos...

    Beijo

    ResponderEliminar
  4. Imbecis...
    É que mais temos neste país!
    Vamos emigrar?
    jocas

    ResponderEliminar
  5. a ideia que dá é essa, Green!!!

    ou então é ditador, só as ideias dele é que são boas!

    beijo

    ResponderEliminar
  6. Bora Nina!!!!

    Para onde?

    Eu apostaria em Moçambique...

    Beijo grande

    ResponderEliminar
  7. Como disse algures, Saramago não é homem para uma rua, mas para o mundo. Que enfiem a rua no... onde, enfim, tu já me entendeste.

    ResponderEliminar
  8. são as pérolas deste povo que ainda consegue surpreender e sempre pela negativa que é para não nos desabituarmos... dasss

    ResponderEliminar
  9. Sun Iou:

    Tens toda a razão!

    Será que o Rui Rio pensou nisso quando recusou o pedido?
    (seria preciso que pensasse...)

    beijo grande

    ResponderEliminar
  10. pois é Cassa...

    há pessoas tão pequeninas...

    beijo grande

    ResponderEliminar
  11. Ignorância, fundamentalismo, falta de cultura civica, atraso intelectual.

    Saudações do Marreta.

    ResponderEliminar
  12. isso mesmo Marreta!

    em poucas palavras consegues sempre acertar na mouche!

    grande abraço

    ResponderEliminar
  13. Eu não gostava de Saramago, como já aqui disse, mas, e apesar de nunca ter lido um livro dele, consigo distinguir o homem do escritor, da figura pública...

    Se se fazem homenagens a torto e a direito por tudo e por nada, não entendo porque não se faz a ele também...

    Gosto de Rui Rio e digo muitas vezes que tenho pena de não ser do Porto ou que ele não se candidate a presidente da autarquia da minha cidade...

    Saramago no meu entender foi muito mais que alguém que afrontava tudo e todos de quem não gostava...foi muitas vezes mal educado, arrogante e vaidoso...e não esqueço o mal que ele dizia de Portugal.

    Pode ter sido um escritor brilhante, pode ter sido, como ouvi quando ele morreu, a pessoa mais humana que alguém conheceu, e amigo do seu amigo, mas...

    Que me desculpem todos os que gostam dele, mas não podemos gostar de toda a gente...gostamos ou não gostamos muutas vezes sem uma razão para tal...

    Por exemplo, de ti gosto :)

    Beijinho :)

    ResponderEliminar
  14. o saramago, lá onde estiver, deve estar munta preocupado com essas parvoices, kapikua!

    a verdade é que ele nao vivia cá por algum motivo!!! e de certeza que nao era por causa do clima!

    um dia, quando esse rui rio morrer, deve haver muita gente a querer homenagea-lo, deve, deve!!!

    a verdade é que o saramago para sempre ficará nos anais da historia, ao contrario dos que tanto o acusam disto e dakilo... ate mesmo os que falam mal da sua escrita e dos seus livros, sem que nunca tenham conseguido ir alem da primeira pagina, por nao entenderem!!!

    reaçoes pequeninas de pessoas do mesmo tamanho, é o k eu acho!

    bjnhsssssssssssssssss

    ResponderEliminar
  15. Maria:

    Saramago disse mal do País quando o então secretário de estado da cultura Sousa Lara não permitiu que fosse nomeado para o prémio literário europeu com o seu romance O evangelho segundo Jesus Cristo.

    e porquê?

    atenta nas explicações de Sousa Lara:

    "Porque não representa Portugal";

    "Esta minha atitude nada tem a ver com estratégias de venda, nem sequer com opções literárias. E muito menos com as escolhas políticas de Saramago. Não entrou em linha de conta o facto de ele ser comunista ou pertencer à Frente Nacional para a Defesa da Cultura"

    Afirmações de Sousa Lara ao Público, 25 de Abril de 1992

    e mais:

    "A obra atacou princípios que têm a ver com o património religioso dos portugueses. Longe de os unir, dividiu-os."

    Sousa Lara aquando do debate sobre a Cultura na Assembleia da República, Abril de 1992

    Querias que o homem dissesse bem do quê?

    Beijo grande!

    PS: também gosto muito de ti :)

    ResponderEliminar
  16. Tronxa:

    Que a obra de Saramafo perdurará, é certo!

    A do Rui Rio, tal como a minha, vai parar a uma qualquer ETAR!

    Beijo grande

    ResponderEliminar
  17. Saramago é grande de mais... é lamentável a mesquinhez de algumas pessoas. A maioria fala mal e nem uma palavra de algum livro dele leu. Porque se lessem os livros dele e alguns feitos que fez nomeadamente de ajuda humanitária (disso ninguém fala) talvez entendessem a grandiosidade deste homem... arre país mesquinho!

    ResponderEliminar
  18. Nina:

    Não marques as passagens na Marsans pelo amor de Deus, hehehehe

    beijo grande!

    ResponderEliminar
  19. ora nem mais Storm!

    beijo grande!

    ResponderEliminar
  20. A mesquinhez campaeia.
    Depois da afronta de Ratzinger ao sexo feminino e de todas as humilhações impostas durante milénios pela igreja católica às mulheres e de todas suas as atrocidades feitas à Humanidade que queriam estas mediocridades que Saramago dissesse?!

    Um abraço, meu amigo.

    ResponderEliminar
  21. :)

    Lá tá, eu tb n apreciava o Saramago, aliás era me completamente indiferente, talvez pq já é de mim ignorar o q n gosto, penso q vi uma vez algo q n me caíu no gôto e apartir dái...como sou uma pessoa q respeito a fé de cada um.Mas concordo com o comment da Maria, n podemos gostar todos do mesmo.

    xinhinhuuuuuuuuus

    ResponderEliminar
  22. São:

    todos se incomodavam com o que Saramago opinava em relação à igreja...
    mas como é possível não se ver na comunidade católica crítica "visível" à barbaridade que o Papa disse?

    beijo grande

    ResponderEliminar
  23. Sandra:

    E porque será que não há-de ser respeitada a ausência de fé de uma pessoa?

    Beijo grande

    ResponderEliminar
  24. Até eu, que não ligo puto nem ao homem nem ao escritor (não ligo o tanas, não o gramo), acho que deveria ter uma rua com o nome. Afinal de contas é um prémio Nobel. Mas atenção, uma rua escura e que de preferência sirva para a venda de droga e outras delinquências!

    Abraço!

    ResponderEliminar
  25. Rauf:

    Por ti uma qualquer rua do Bairro do Aleixo ou do Bairro S. João de Deus...

    acho que ele não se importaria de dar o seu nome a uma dessas ruas, custar-lhe-ia mais (digo eu) darem o seu nome à rua de Augusto Rosa, local onde se situa a Sé do Porto (caso o Google não me tenha enganado :) )

    grande abraço

    ResponderEliminar
  26. Mas a darem que seja

    Rua: José Saramago, prémio Nobel da Literatura.

    Assim, mesmo com pontuação!

    ResponderEliminar
  27. O Rui Rio é um bacano e tem toda a razão, desculpem lá que vos diga. Precisamos é de ruas com nomes de gaja. "Moras onde ? Eu moro na rua Pamela Anderson nº69" , "Eh pa, entras pelas traseiras da Marylin Monroe e é a 2ª porta".
    Alem do que aposto que há imensas ruas lá na ilha de lanzarote precisam de nome.

    1 Abraço

    ResponderEliminar
  28. só por ele não usar a pontuação da forma mais convencional, Rauf?

    onde anda essa abertura de espírito? :)

    grande abraço

    ResponderEliminar
  29. CONVENCIONAL?!? Epá, não o gramo, nem ao homem nem ao escritor. Mas tenho abertura de espírito suficiente para achar que merece o nome numa ruazita...

    ResponderEliminar
  30. Rui:

    tens de apresentar essa proposta ao Rui Rio, acredito que ele a aprove!

    o Saramago de facto não dá tusa nenhuma!

    E com os nomes de ruas que propões, o máximo que lhe pode acontecer (ao Saramago) é acordar-lhe o marsapo e o cemitério do Alto de S. João passar a chamar-se "Levantado do chão"

    Grande abraço

    ResponderEliminar
  31. Rauf:

    O homem não tem interesse gramar ou não gramar.
    A sua obra sim!
    Tu não a gramas mas tens de reconhecer que é um dos nomes maiores de toda a nossa literatura!

    Grande abraço

    ResponderEliminar
  32. :)

    N faço a minima kap, eu respeito, os outros fazem o q acham melhor. Se calhar vem daí o "n curtir" o Saramago, possivelmente penso para mim q ele nunca soube respeitar a fé dos outros. Conheces akela q diz "queres respeito, respeita"

    ResponderEliminar
  33. Sandra:
    eu acho que atacar a Igreja não é desrespeitar a fé de cada um.
    Assim como atacar o governo não é desrespeitar a democracia e os democratas!

    Opiniões de herege ou ateu ou agnóstico ou lá o que eu sou! :)

    Beijo

    ResponderEliminar
  34. :))

    Eu tb n sei o q sou, embora de um lado completamente diferente do teu, sou católika, não praticante, sei q este estatuto n existe, mas n há outra forma de o dizer, ou pelo menos eu n o sei :)

    Eu acredito num Deus, no meu Deus, o Deus com qm eu falo e me transmite a minha paz, o meu Deus q está sempre comigo e para isso nunca senti necessidade de o procurar em uma igreja. Mas tem vezes em q vou à igreja, n me recuso a lá entrar. Se na minha localidade existisse um padre como na terra dos meus cunhados com certeza iria mui mais vezes, pois é alguem q dá vida a algo q parece q morreu à mui, a eucaristia.

    No restante, concordo contigo em parte, o desrespeito tanto de uns como de outros é uma realidade e a esta altura do campeonato é impossivel saber qm desrespeitou qm 1º, embora as duvidas possam existir. Mas deixa me te dizer q, por exemplo, no meu caso, n gosto de ver/ler/ouvir Deus a ser desrespeitado, sinto um apertozinho no peito, Deus só há um né, logo, tou em crer q o meu Deus é o mesmo de tantas outras pessoas. Sabes kap, eu sempre acreditei q existia um Deus, mas passei a acreditar ainda mais quando me tocou :)) n sou unica, o mesmo acontece c muis de nós q se dizem n crentes, mas mudam de opinião assim q Ele lhes toca ;)

    Sorry pelo alongamento e desviamento ;))

    xinhinhus

    ResponderEliminar
  35. eu fico feliz por ti, por acreditares, por sentires a Sua presença e o seu toque.
    Respeito muito todas as crenças e credos!

    Eu, infelizmente ou não, não acredito!

    mas isso sou eu... :)

    Beijo grande

    ResponderEliminar
  36. Claro que não marco.
    Vamos de burro!;)
    jocas

    ResponderEliminar
  37. de Burro parece-me bem Nina!

    já comprei umas cenouras para fazer aquele truque da corda

    beijo grande

    ResponderEliminar