quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Tiraram o garruço da xenofobia?

 Uma das coisas que mais me preocupa nesta crise, para além de não saber o que vai ser de nós daqui a 1 ano, é o reaparecimento dos nacionalismos exacerbados.
Na Grécia, o partido de extrema direita Aurora Dourada tem agora grande visibilidade, aproximando-se das pessoas através de acções de solidariedade social.
O grave problema dessas acções é o seu teor discriminatório. És 100% grego ajudam, és estranja desemerda-te!




Para percebermos melhor o bom coração destas criaturas basta ler o que uma dePUTAda do mesmo partido, membro do comité de igualdade e anti-discriminação da assembleia parlamentar do Conselho da Europa, disse relativamente aos imigrantes, classificando-os de sub-humanos portadores de doenças.

O que me dói é que este tipo de propaganda, em alturas de crise, funciona muito bem.
Receio que este fenómeno se alastre por muitos mais países europeus...
Muitas pessoas são convencidas pelo argumento do estrangeiro que nos está a roubar o trabalho e pela "protecção" que parecem oferecer aos seus concidadãos, fazendo assim aumentar, de forma exponencial, a xenofobia e o racismo em toda a Europa.


Se esta merda virar para esses lados, derrisco-me de cidadão nacional e europeu!

Beijos e abraços para todos!



18 comentários:

  1. Chamada de atenção super preocupante fazes aqui.
    É inevitável que fenómenos destes comecem a multiplicar-se por toda a europa. Em tempo de crise a palavra "solidariedade" fica cada vez mais pequenina e muitos até esquecerão o seu significado (caso alguma vez a tenham compreendido) porque a fome vai mesmo ser uma realidade para cada vez mais pessoas. A luta pela sobrevivência faz esquecer tudo o que temos aprendido ao longo da evolução da humanidade.

    Basta ver o que se passa aqui na vizinha Espanha onde a violência e o extremismo já existe há muito, com ou sem crise económica, país onde ainda não aprenderam que as tendências independentistas são erradas pois, quanto mais dividido ficar o país mais fracos ficarão individualmente, acicatando cada vez mais ódios entre eles.

    A História está a registar um retrocesso enorme...

    ResponderEliminar
  2. Fosse só na Europa, meu caro! Foges para onde? Levanta-te e luta se queres que isto seja diferente!

    Quanto aos extremismos... Venham eles porque se não partirmos alguma coisa, não ferirmos alguém, a merda vai continuar a atolar-nos!

    ResponderEliminar
  3. Também me parece que a civilização está a andar no sentido contrário do que seria expectável, Afrodite... :(

    Beijo grande!

    ResponderEliminar
  4. Malena:

    Fujo para Peniche!

    Fica tu com os extremismos de que falo, da minha parte não os quero!

    Beijo grande!

    ResponderEliminar
  5. Não são os extremismos de que falas! São os outros! Os da luta pela igualdade, os da verdadeira solidariedade! Os do caminho da LIBERDADE!

    ResponderEliminar
  6. por cá não há esse problema porque os que vieram para cá vivem de subsídios sem trabalhar! não há o problema de nos roubarem o (im)possivel emprego.

    ResponderEliminar
  7. Também os procuro, Malena.

    Beijo grande!

    ResponderEliminar
  8. Vício:

    Cuidado com as generalizações, normalmente levam a merdas deste tipo!

    Grande abraço

    ResponderEliminar
  9. (Atrás de tempos vêm tempos e outros tempos ainda virão. As sociedades evoluem nas suas complexidades interactivas da mesma forma como uma côdea de pão avança em direcção a qualquer formigueiro: puxada por um caos organizado de formigas onde cada uma puxa para o seu lado.

    E no entanto, se a matemática pura diz que o pão não deve sair do lugar, a verdade é que a gente vê como a ciência pura pode ser uma batata...

    Há questões tão fracturantes, em relação às quais, quando olhamos para trás no tempo, damos por nós a pensar como é que foi possível perder tanto desse tempo com uma coisa tão simples e consensual...)

    ;)

    ResponderEliminar
  10. oops!!!:

    A sociedade evolui sem resolver alguns dos aspectos mais básicos para que haja uma convivência pacífica e saudável entre todos.

    Grande abraço

    ResponderEliminar
  11. Pois é, meu amigo.

    As pessoas esquecem-se tão facilmente ... os meios de comunicação social deixaram de ser livres e independentes, metade (ou quase) dos nossos já são angolanos, imagine-se!

    Na conferência de imprensa dada pela besta que chefia o Aurora Dourada . foi ordenado aos jornalistas que se erguessem quando ele entrasse na sala: o único que teve a coragem e dignidade de não obedecer foi retirado à força da sala pelos gorilas do Partido, sob a indiferença dos colegas!!

    Um abraço muito amigo para ti.

    ResponderEliminar
  12. Bem um par de estalos a ver se atinam para a vida é o que mereciam! Mas isso é só a minha opinião :)

    Abraço

    ResponderEliminar
  13. São:

    é a merda de sociedade que estamos a criar... :(

    Beijo grande

    ResponderEliminar
  14. Pi Maria:

    tb me quer parecer.

    Beijo grande

    ResponderEliminar
  15. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  16. desculpa-me anónimo mas vou eliminar o teu comentário.
    Não por seres anónimo mas porque no meu tasco não é permitida a entrada a pessoas que desconsideram o seu semelhante pela cor da pele ou pela religião que professam.

    ResponderEliminar
  17. Ainda não excluiu o comentário deste extremado anônimo...

    ResponderEliminar
  18. Tens razão Kundry.
    Não passa de hoje.

    Beijo e obrigado pela visita! ;)

    ResponderEliminar